terça-feira , 21 novembro 2017
Home / Jogos / Final Fantasy XV | Vale ou não a pena jogar?
final-fantasy-xv-31ago2015-1

Final Fantasy XV | Vale ou não a pena jogar?

Com o lançamento do game no dia 28 de novembro de 2016, Final Fantasy XV prometia ser um divisor de águas para a franquia da Square Enix. Mas afinal, vale ou não a pena jogar?

final-fantasy-xv-logo-640x360

Para responder a essa pergunta vamos analisar alguns aspectos do jogo, com a visão de alguém já tem mais de 150 horas de exploração. Vale lembrar que para jogá-lo você não precisa ter experiência com outros jogos da franquia, uma frase deixa isso bem claro na abertura do game “Um Final Fantasy para fãs e para novatos”.

Essa frase diz muito sobre a experiência de jogo, pois ele traz consigo uma proposta totalmente nova em relação aos seus antecessores.

HISTÓRIA

Leia abaixo a sinopse:

“A caminho da cerimônia do seu casamento com Lunafreya, o príncipe Noctis recebe notícias de que sua terra natal foi invadida e tomada sob o falso pretexto de um tratado de paz, e de que ele, sua amada e seu pai, o rei Regis, foram dados como mortos pelos inimigos. Para obter a força necessária para descobrir a verdade e retomar seu reino, Noctis e seus leais companheiros deverão superar uma série de desafios em um mundo aberto espetacular, cheio de criaturas imensas, cenários deslumbrantes, culturas variadas e inimigos traiçoeiros.”

A trama de é, sem dúvidas, um elemento digno da franquia. FFXV tem, em sua campanha principal, uma das histórias mais interessantes dos últimos tempos. Repleta de fantasia, easter eggs, batalhas e missões tão interessantes, o jogo te cativa a ponto de transformar o jogador no próprio Principe Noctis.

Apesar de parecer um clichê, a “volta do herdeiro do trono” é construída de uma forma tão sutil que até que as coisas aconteçam, não há como prever o futuro dos personagens.

JOGABILIDADE

ffxv-22-1

Outra característica que mudou e inovou em relação à essa obra foi o quesito jogabilidade. A introdução de um estilo “HACK N’ SLASH” ao jogo trouxe mais fluidez à franquia, elevando-o a outro patamar. Final Fantasy XV tem, além de um estilo de batalha único em relação a seus antecessores trás uma jogabilidade mais fluida e menos linear.

O fato de ter um mundo imenso a ser explorado é outra característica que proporciona uma experiência incrível ao jogador. Acampar, fotografar, pescar, cozinhar e sobreviver a dias e noites de batalha são um ponto que transformou o jogo em algo totalmente novo.

FFXV ainda dá ao jogador a opção de se locomover de um lado a outro do mapa de maneiras diferentes, seja dirigindo, correndo ou “galopando” em um Chocobo, a exploração se torna ainda mais interessante.

SIDEQUESTS

ffxv-hunting-quest

Uma característica que é fundamental no game é a resolução das sidequests e missões de caça. O jeito mais rápido de adquirir experiência e dinheiro na obra. Apesar de não ser o primeiro da franquia com essa proposta, Final Fantasy XV supera os anteriores no quesito intuição e resolução das missões paralelas.

São inúmeras missões – ainda não terminei todas e com certeza estou beeeeeeem longe do fim – que auxiliam e contam, de uma maneira mais sutil, um pouco mais da história do jogo.

OPINIÃO

Final Fantasy XV, apesar de apresentar alguns bugs, – nada tão excepcional que vá estragar a experiência de jogo – é um game que deve ser jogado por todos aqueles que gostam de uma aventura que tem além de uma história cativante, personagens carismáticos e muita ação.

A todos vocês que jogaram, vamos trocar figurinhas sobre as melhores táticas de batalha. A todos aqueles que não jogaram, FFXV é, para mim, o melhor jogo de 2016.

E aí, qual a sua opinião sobre o jogo? Comente aqui embaixo e compartilhe com seus amigos!

 

Deixe o seu comentário

Comentários

Sobre Dalai

Dalai
Publicitário, aspirante a blogueiro, 20 anos, mineiro apaixonado pela cultura nerd/otaku e amante do design em todas as formas. Principiante nos estudos da espiritualidade e amante das teorias e métricas do oculto.

Check Also

thor-ragnarok-valquiria

Thor – Ragnarok : Filme sensacional (para quem não estiver esperando muito)

As palavras de  Adam Graham (Detroit News) descrevem muito bem esse filme: “Ragnarok is supposed to ...